fbpx
Brasília Shopping (61) 3327-0523 / Taguatinga (61) 3352-5735

Língua Presa

O que é o Língua Presa?

A anquiloglossia, mais conhecida como língua presa, é o quadro caracterizado pela presença de um freio ou frênulo lingual (membrana que prende a língua ao assoalho da boca) com inserção anormal.

Um frênulo inserido interfere em alguns movimentos da língua, como tocar o céu da boca e colocar a língua para fora. Os bebês, geralmente apresentam dificuldade de sucção na amamentação, podendo apresentar problemas com o ganho de peso, com o desenvolvimentos dos ossos da face e gera feridas no seio da mãe.

Além disso, a língua presa pode interferir na dicção de algumas fonemas durante a fala, principalmente os sons vibrantes, comprometendo o desenvolvimento cognitivo e pessoal da criança.

 

A Lei nº13.002/14 sancionada e publicada no Diário Oficial da União em 23 de junho de 2014 instituiu a obrigatoriedade de aplicação do “Protocolo de Avaliação do Frênulo da Língua em Bebês” – Teste da Linguinha. Com isso, o teste consiste na avaliação do frênulo da língua em recém-nascidos para verificar sua inserção, realizar o diagnóstico precoce e encaminhar para o tratamento, quando indicado; evitando futuros problemas na amamentação, dentição e fala.

Quanto mais precoce o diagnóstico e a intervenção, mais simples é o tratamento e melhor será o desenvolvimento dos movimentos da língua. 

Quem faz o diagnóstico?

Alguns profissionais estão aptos a avaliar o frênulo lingual entre eles o(a) pediatra, o(a) odontopediatra e o(a) fonoaudióligo(a). 

Entretanto o(a) pediatra e odontopediatra conseguem identificar anatomicamente um freio inserido, mas o profissional mais capacitado para avaliar a motricidade da língua e o quanto o freio está limitando seus movimentos é o fonoaudiólogo.

Somente após a avaliação de um(a) fonoaudiólogo, o odontopediatra entra em cena para a realização cirúrgica do tratamento.  

Tratamentos: Frenectomia e Frenotomia

Entre os tratamentos cirúrgicos da língua presa estão a frenotomia e a frenectomia.

A frenotomia é indicada para pacientes, bebês nos primeiros meses de vida, quanto o frênulo é bem fininho, em que é realizado um apenas “pique”.

Já a frenectomia lingual, está indicada para os casos que, ainda que bebês, o frênulo é mais espesso e inserido,  existindo um maior rigor na desinserção do freio.

Tire suas dúvidas