fbpx
Brasília Shopping (61) 3327-0523 / Taguatinga (61) 3352-5735

Dentes inclusos

 

O que é um dente incluso?

Um dente incluso é um dente que não apareceu na cavidade bucal permanecendo retido dentro do tecido ósseo por algum motivo, estando com a raiz e a coroa completamente formadas, não possuindo mais potencial de erupcionar (nascer). Os dentes inclusos mais frequentes são os terceiros molares (sisos), seguidos dos caninos. Observar apenas a ausência do dente na cavidade bucal mediante exame clínico não define um dente como sendo incluso, para isso é necessária a realização de exames de imagens, como: radiografias e/ou tomografias, para a confirmação do diagnóstico.

 

Porque os dentes ficam inclusos?

O motivo do dente permanecer incluso pode variar entre fatores: físicos, ambientais e genéticos, sendo os  principais:

  • Tamanho do dente;
  • Falta de espaço no arco dentário;
  • Resistência do tecido ósseo;
  • Perda precoce de dentes de leite;
  • Lesões patológicas;
  • Barreiras mecânicas; e
  • Dentes supranumerários.

Quais os tipos de tratamento?

Como regra geral, os dentes inclusos devem ser removidos do seu local de impacção por meio de técnicas cirúrgicas, pois podem ocasionar problemas a longo prazo, como formação de cistos e tumores.

Em terceiros molares é sempre recomendado extração dentária por meio de cirurgia em consultório, sob anestesia local. Em caninos existe a opção de tracionamento ortodôntico, para reposicionamento no arco. Entretanto, nem todos os casos aceitam esse tracionamento, sendo assim recomendada a extração.

Tire suas dúvidas